• 28/02/2024

    Primeiro treino de 2024

    No dia 24 de fevereiro começamos os treinos presenciais da temporada de 2024. A programação do dia incluiu treino de Power Soccer pela manhã e a tarde Bocha Paralímpica.

    Leia mais
  • 27/12/2023

    Primeiro Hexacampeão Brasileiro de Power Soccer.

    O Campeonato Brasileiro de Power Soccer 2023, organizado pela ABFC (Associação Brasileira de Futebol em Cadeira de Rodas) aconteceu no SESC de Nova Iguaçu nos dia 15 e 16 de Dezembro onde, invicto, o clube Rio de Janeiro Power Soccer conquistou a medalha de ouro pela 6° vez se tornando o primeiro clube Brasileiro a se tornar Hexacampeão. Além de nós, participaram os times Minas, Fortaleza, Novo Ser e Blue Angels. O campeonato aconteceu no estilo de pontos corridos, foram 4 partidas, 4 vitorias, 28 gols. Mais um ano em que fomos o único time a não levar nenhum gol! Recebemos o prêmio de melhor defesa, entregue ao nosso goleiro Pedro Henrique. Lucas Dutra recebeu o prêmio de melhor jogador. A delegação do RJPS foi composta por dez jogadores, quatro membros da Comissão Técnica (CT) e um staff. Os jogadores convocados foram Bernardo Borges, Daniel Vizeu, Evelyn Spangemberg, Lucas Dutra, Jerônimo Eichler, Pedro Henrique, Renato Santana, Rafael Lellis, Nicolas Fortunato e Luiz Rodrigues. A CT foi formada pelos técnicos Jaime Torres, que também é Diretor Esportivo do clube, Abel Martins, Felipe Jacovazzo e pelo estatístico Paulo Lopes. E também o staff Luiz Motta. Agradecemos a todos os envolvidos em especial a Assim, nossa patrocinadora, e a Marinha que nos cede a quadra do CIAGA, por meio do projeto João do Pulo, para treinarmos.

    Leia mais
  • Brasileiro Jovens
    06/05/2023

    Invicto, Lucas Dutra conquista o bicampeonato brasileiro de jovens na bocha paralímpica

    O Campeonato Brasileiro de Jovens de Bocha Paralímpica foi realizado de 19 a 22 abril, em Curitiba. Cria da nova geração de atletas de bocha, Lucas Dutra (BC3) mantém a invencibilidade de títulos e soma, em dois anos, três títulos nacionais Sub-21: bicampeão Brasileiro de Jovens 22 e 23 e campeão da Copa Brasil de Jovens 22. “Estou muito feliz em poder estar comemorando mais esse título, dessa vez comecei com uma derrota na fase de grupos, que me trouxe muitos ensinamentos, me alertando a calcular melhor os riscos e ser mais cuidadoso na defesa”, comenta Lucas, que neste ano foi convocado para uma das fases de treinamento da seleção brasileira de jovens. Relembre como foi a conquista do primeiro título nacional de jovens do Lucas!

    Leia mais
  • Regional-Leste-2023
    05/05/2023

    Rio de Janeiro Power Soccer fatura seis medalhas na Seletiva Leste de Bocha 2022

    A competição de bocha que abriu o calendário de 2023 para os clubes fluminenses foi a Regional Leste, realizada na Andef, em Niterói, de 16 a 18 de março. O Rio de Janeiro Power Soccer foi a segunda melhor equipe da competição, conquistando seis pódios e quatro vagas para o Campeonato Brasileiro da modalidade. Nesta competição, havia outras equipes do Rio, além de clubes de Minas e do Espírito Santo. Confira os atletas que medalharam e os que conquistaram vaga para o Brasileiro, que será em Fortaleza, no segundo semestre: MASCULINO BC1 Victor Pesant: prata + vaga no Brasileiro Yuri Andrey: bronze BC2 Luiz: bronze + vaga no Brasileiro BC3 Lucas Dutra: ouro + vaga no Brasileiro FEMININO BC3 Rute Pereira: prata + vaga no Brasileiro BC4 Evelyn Spangemberg: bronze Ao todo, nove atletas formaram a delegação do RJPS na Regional Leste de Bocha Paralímpica. Completam a lista: Alan Daniel, Eduardo Moreira e Paulo Henrique.

    Leia mais

Companheirismo que leva
o alto rendimento com
espírito de equipe assumindo
importância no protagonismo
em uma sociedade.

Esta filosofia
está presente
na formação não apenas
de atletas como também
de pessoas.

Praticada por atletas com elevado
grau de paralisia cerebral
ou deficiências severas,
a bocha paralímpica
só apareceu no Brasil na década de 1970.

Essa modalidade
é uma das mais
inclusivas pois podem
jogar atletas com alto grau
de comprometimento motor.

Power Soccer | O que é?

O Power Soccer ou Powerchair é um futebol de cadeira de rodas motorizada.

O esporte foi criado em 1978, na França, mas só chegou ao Brasil em 2011.

O Power Soccer é o primeiro esporte de equipe competitivo concebido especificamente para ser disputado por pessoas portadoras de deficiências severas (tetraplegia, paralisia cerebral, distrofia muscular, entre outras)

A partir dos seis anos, ambos os sexos podem jogar.

O Rio de Janeiro Power Soccer é um time de futebol adaptado em cadeira de rodas.

Fundado em 2014, o RJPS é Hexacampeão Brasileiro e já medalhou em vários campeonatos como a Taça Libertadores da América e a Champions.

Bocha | O que é?

A competição consiste em lançar as bolas coloridas (azuis e vermelhas) o mais perto possível de uma branca (bola alvo). Os atletas ficam sentados em cadeiras de rodas limitados a um espaço demarcado dentro de uma quadra (tam 12,5m x 6m) para fazer os arremessos. É permitido usar as mãos, os pés e instrumentos de auxílio (calhas), e contar com ajudantes (calheiros ou assistente), no caso dos atletas com maior comprometimento dos membros.

Existem quatro classes (BC1, BC2, BC3 e BC4) e homens e mulheres jogam separadamente. Além dos jogos individuais também tem os jogos em pares (BC3 e BC4) e em equipes (BC1 e BC2).

O Rio de Janeiro Power Soccer iniciou a Bocha em 2020 já medalhou em vários campeonatos como Brasileiro de Jovens e Intermediário.


Para manutenção deste projeto, contamos com importantes parceiros, com objetivo de ajudar no financiamento esta iniciativa.

É uma oportunidade de associar a imagem de sua empresa em uma ação de engajamento nas melhores práticas de responsabilidade social.



Futebol: A Paixão não tem limites!


Responsabilidade Social

Ajudamos com sucesso as famílias na função de transição da criança para seu equipamento de cadeira de rodas, demonstrando maior liberdade e possibilidades sócio esportivas independentes.

Formando Novos Talentos

Os esportes têm um papel fundamental na formação de crianças e jovens, pois desenvolvem conhecimentos, habilidades, valores e posturas que contribuem para um crescimento saudável e para a formação da cidadania e inclusão.

Benefícios

As habilidades estimuladas pelo esporte - tais como raciocinar, exercitar a memória e a linguagem, compreender situações e estratégias - ajudam no amadurecimento social e emocional da criança, bem como na aprendizagem em sala de aula.

Esporte

No esporte é preciso se esforçar, se dedicar ao máximo. É um campo rico de aprendizado, oportunidades e inclusão social.

Próximos Eventos e Treinos

    Power Soccer no Maracanã em 360º!